10 de jan de 2011

Polícia Militar e Insituto Sou da Paz definem linhas de atuação do Programa de Abordagem

Para dar conta dos desafios descritos no post anterior, a Polícia Militar e o Instituto Sou da Paz decidiram conjuntamente desenvolver um trabalho com duas frentes: Comunicação e Treinamento, que devem ser trabalhadas de maneira complementar.

Em primeiro lugar, o investimento em comunicação interna é necessário para que se atinja a tropa como um todo, valorizando a importância da abordagem como o cartão de visita da Polícia Militar, de forma a fazer chegar a mensagem a todos os policiais que a abordagem é muito importante e deve ser bem feita. Além da comunicação interna, é preciso também investir em estratégias de comunicação para o público externo, explicando à população que a abordagem faz parte do trabalho cotidiano do policial e que, embora não seja um momento muito confortável, há algumas atitudes a adotar que podem facilitar o trabalho.

Além disso, para incidir na prática diária dos policiais, será igualmente preciso trabalhar seu treinamento, desconstruindo práticas equivocadas que ocorrem no dia a dia, bem como aprimorando os métodos e conteúdos do treinamento.

Quer saber mais? Envie um e-mail para abordagempm@gmail.com

Deixe seu comentário sobre o Programa e nos ajude a construir algo que tenha a sua cara.

Nenhum comentário:

Postar um comentário